Como fazer um Ciclo de Estudos?

Muitas pessoas têm dificuldade em organizar seus estudos, ou sequer sabem como estudar de forma correta.

Sem dúvida fazer um bom ciclo de estudos pode tornar a sua tarefa de estudar muito mais prática e objetiva. Muitos alunos e amigos sempre têm essa dúvida em como elaborar esse ciclo, nesse artigo quero mostrar a você como fazer um bom ciclo e como essa organização vai permitir você gerenciar seu estudo com qualidade e valorizando todo o seu tempo.

Vantagens de estudar com Ciclo

Dentre as principais vantagens de utilizar o ciclo de estudo posso citar:

a) Flexibilidade: você pode adaptar seu ciclo a qualquer momento e também não fica preso aquele estudo tradicional de estudo como muitos fazem, na segunda-feira vou estudar x e y matéria, o problema é que se acontecer algum imprevisto naquele dia, a pessoa só irá ver a disciplina novamente na semana seguinte. Com o ciclo esse problema não ocorre, pois você não “amarra” seus estudos aos dias da semana e sim a rotação de matérias do seu ciclo de estudos.

b) Controle: com o ciclo de estudos você consegue controlar o tempo necessário para cada disciplina inclusive pode fazer modificações a cada semana, além de controlar o tempo efetivo de estudo de determinada disciplina.

Modelo tradicional:

Modelo ciclo:

Analise o Edital

A primeira coisa que você deve fazer é organizar as disciplinas do edital do seu concurso, caso você esteja estudando para um concurso que não tenha um edital aberto faça o seu ciclo com base no edital da última prova do seu concurso.

Irei exemplificar aqui tomando como base o concurso para Analista Judiciário Especialidade Qualquer Área do Tribunal de Justiça do AM 2013.

De acordo com edital de 2013 a prova foi dividida no seguinte formato:

Conhecimentos Básicos:

Conhecimentos Específicos:

Dessa forma as disciplinas podem ser avaliadas conforme o total de questões a serem cobradas na sua prova ou a quantidade de assuntos a serem estudados, vou fazer um modelo considerando as matérias que acredito que devem ter mais assuntos a serem estudados e que acredito que possui um melhor custo-benefício para seus estudos.

Prioridade

Você deve verificar as disciplinas com maior peso na sua prova ou a que você tem mais dificuldade para ser justamente a disciplina que terá a maior quantidade de horas no seu ciclo. Saber organizar e reconhecer logo de início aquilo que é mais importante para você vai trazer um estudo de qualidade.

No modelo do ciclo disponibilizado no final desse artigo, coloquei uma carga horária de estudo maior para Conhecimentos Específicos haja vista o maior número de questões a serem cobradas na prova logo deve ser uma disciplina que você deve ter uma atenção em especial.

Cronômetro

Uso do cronômetro é muito importante para que o ciclo funcione de forma correta, pois muitas vezes temos a falsa impressão de que estudamos muito no dia a dia, porém se você for analisar o quanto tempo perde com distrações, faz uma atividade de casa, dar uma pausa pro lanche, vai ao banheiro, enfim com todas essas atividades é importante você controlar seu tempo de estudo efetivo, dessa forma se você começar a estudar liga o cronômetro, parou o estudo por qualquer motivo que seja imediatamente dê a pausa no cronômetro. Assim você irá gerenciar suas horas líquidas de estudo e poderá verificar o quanto de tempo que você pode estar perdendo com distrações.

Seja fiel ao Plano

Uma vez organizado seu ciclo de estudo é o momento de começar de acordo com o descrito no seu planejamento, ainda que muitas vezes sua vontade de estudar outra disciplina que esteja fora do momento de estudo, é importante que você mantenha o ciclo planejado.

Quando você começa ser fiel ao seu plano de estudos você passa a ter mais agilidade na organização do seu material, dos assuntos que precisam ainda ser estudados, sem contar que o ciclo vai te dar todo o direcionamento das aulas.

Modelo de Ciclo

Fiz um ciclo de estudos básico com as disciplinas para o Tribunal de Justiça do AM com base no edital de 2013, o link para o download está mais abaixo.

Nesse arquivo há duas planilhas:

  1. Ciclo de Estudo Básico para o TJAM
  2. Edital verticalizado

Link para o download (clique aqui)

Pessoal obrigado a todos, qualquer dúvida mandem uma mensagem no direct do instagram @matheusmep.

Como estudar de forma correta?

Nos últimos anos procurei métodos, técnicas, estratégia (como você quiser falar) para estudar de forma melhor para obter resultados de alto nível estudando de forma objetiva, prática e que realmente fizesse a diferença na minha preparação.

Com o tempo pude melhorar muito a minha qualidade de estudo, percebi que na verdade eu só não passava em provas de concurso público porque não estudava da maneira correta, perdia tempo com metodologias de estudo antigas que não correspondem mais a realidade de quem se prepara em alto nível para concursos.

Ainda conheço muita gente que estuda de forma errada, colocam sob a mesa livros e livros, apostilas, anotações, tablet, celular entre outros e na verdade acabam não fazendo nada com qualidade. Na verdade cada um tem sua maneira de estudar mas que existem alguns caminhos que podem acelerar sua aprovação e fazer você chegar com condições de brigar por uma vaga no seu concurso, assim quero deixar algumas dicas que podem ajudar você estudar de forma correta.

Evite Distrações

Muitas pessoas têm o costume de querer estudar e ao mesmo tempo ficar com o celular (vibrando com as notificações), televisão ligada, família por perto conversando, cachorro latindo, barriga roncando e uma infinidade de coisas mais que não deixam a pessoa se concentrar e ter uma qualidade de estudo melhor.

Recentemente eu estava estudando para uma prova mas havia um barulho na padaria do meu pai de uma de suas máquinas que estava me incomodando, e percebi que aquilo estava se tornando uma distração pra mim pois quando eu conseguia me concentrar, ligavam a máquina e lá vai a concentração embora. Então resolvi comprar um abafador, daqueles usados na construção civil, stand de tiros, pois é levei o negócio a sério e resolveu, colocava meu fone de ouvido com uma música de concentração e colocava o abafador por cima, não tinha mais barulho que me incomodasse.

Outra coisa foi o celular, toda vez que estudo deixo meu celular longe, coloco no quarto, dou pra minha filha assistir a um desenho, mas não fico mais com celular perto de mim pois com certeza se torna algo que atrapalha meus estudos.

Portanto nos momento de estudar, elimine todas as suas distrações e com certeza vai assimilar melhor as informações.

Controle seu tempo de estudo

Uma das coisas que mais me ajudaram foi conseguir controlar meu tempo de estudo. Muitas vezes nos enganamos achando que estudamos 4-6 horas por dia quando na verdade não chega a 1h líquida de estudos. Então resolvi estudar com cronômetro e não deu outra, fiquei viciado no negócio, comecei a perceber que estava me autossabotando, pensava que estudava 8h por dia, mas quando comecei a usar o cronômetro, toda vez que ia ao banheiro, ou pegar um lanche, tomar uma água, eu parava o cronômetro e só ligava novamente quando voltava a estudar, ao final de cada sessão de estudo colocava numa planilha com o meu ciclo de estudo a quantidade de horas líquidas estudadas, então pude começar a gerenciar meu tempo de estudo, e passei a estudar com muito mais qualidade, pra você ter uma ideia em dezembro de 2018 estudei 193 horas líquidas teve um dia nas minhas férias de dezembro que estudei 9h30min líquidas então pode-se dizer que passei mais ou menos 12h desse dia dedicado aos estudos. Ter essa organização e gerenciar seu ciclo de estudo com o tempo efetivamente estudado é um ponto que faz toda a diferença na sua preparação.

Somente no mês de janeiro (210h líquidas de estudo):

Faça anotações

Antigamente gostava de fazer meus resumos no computador, digitava por horas para que viesse revisar futuramente minhas anotações no computador, porém percebi que estava apenas jogando informações no HD e não estava as fixando na minha mente.

Resolvi partir pro método tradicional, comprei canetas coloridas, uma pasta do tipo sanfonada, marcadores de texto, papel A4 e comecei a fazer meus resumos “na mão”. Comecei a gostar de fazer os resumos, normalmente fazia uma leitura do pdf grifando os principais pontos com a ferramenta de marcação no leitor de pdf e no segundo momento colocava no papel meu resumo baseado nas marcações que havia feito na telinha do notebook. Passei a criar mapas mentais de todos os assuntos que estudava, isso foi muito importante pra mim pois até instantes antes da minha prova não era a apostila que eu consultava e sim minhas anotações com os principais pontos chaves.

Perdi a conta de quantos mapas mentais e resumos eu fiz na minha preparação, foram 3 meses somados as muitas redações que escrevia foi o suficiente pra fazer “calo” no meu dedo. Novamente fiquei viciado na estratégia, o negócio funcionava de verdade, comprei blocos de post it e já não me satisfazia em fazer anotações em A4 e colocar na pasta, eu tinha que anotar nos post it e colar na parece, quem me segue no instagram (@matheusmep) já deve ter visto como ficou minha parede no cantinho de estudos.

O fato é que não adianta você apenas anotar tudo, tem que fazer anotações dos pontos principais, aquilo que você tem mais dificuldade, aqueles assuntos que é mais complicado de decorar que você precisar ver sempre para que se mantenha em condições de acertar as questões, comigo deu super certo pois recentemente fiz uma prova que as principais matérias como Direito Penal, Processo Penal, Dir. Administrativo e Constitucional gabaritei em função das constantes anotações, resumos, mapas mentais que fazia de tais disciplinas.

Resolva muitas questões

Esse ponto pra mim é o principal, treinar, treinar e treinar tem que fazer parte da vida do concurseiro. É na resolução de questões que você coloca em prática toda a teoria estuda, os resumos escritos, as revisões efetuadas se materializam através da resolução de questões. A repetição leva à perfeição, é incrível como muitas bancas de concurso público costumam repetir questões, isso facilita aquela pessoa que treina focado na sua prova. Se você quer estudar de forma correta e passar na sua prova você tem que “enjoar” de resolver questões. Faça um investimento assinando um site de questões, temos o TEC Concursos e o QC Concursos que são sites que são excelentes para prática de questões. Além de você poder filtrar as questões por disciplina, assunto, banca examinadora, nível, você ainda pode verificar suas estatísticas de acertos e erros e ver onde tem errado mais para buscar a melhora.

Você tem que enfrentar o desafio, não adianta ficar estudando apenas teoria e não praticar pois na hora da prova o que vale é saber resolver as questões da prova e aquele candidato que não tem o “costume” de ver as “malícias” da banca, onde o examinador gostar de “pesar a mão” a pessoa vai sair frustada por ter estudado tanto mas não aprendeu a como resolver uma prova.

Quero mostrar pra você o print do site de questões que assino e também mostro a quantidade de questões que resolvi em 3 meses de preparação:

Questões dos PDF’s:

Ou seja somando as questões do Site de Concursos com mais os pdf foram mais de 10 mil questões resolvidas em 3 meses sem contar com os simulados que fiz.

Isso influenciou bastante na minha prova pois acertei exatamente 100 questões de 120, e com certeza isso foi fruto de todo o mecanismo descrito nesse post.

Espero que essas dicas possam ajudar você na sua preparação.

Um grande abraço, não deixe de me seguir no insta: @matheusmep

Organizando o ambiente de estudos

Estudar para concursos exige cada vez mais a habilidade do concurseiro de focar nos estudos e esquecer tudo o que está ao seu redor, fazer isso não é uma tarefa fácil e é sempre importante manter na sua mente o pensamento de que o estudo é prioritário e necessário para sua aprovação.

Dessa forma ter um ambiente que faça você ter uma conexão com os estudos e que faça você se concentrar nos livros, apostilas, vídeos e todos seus materiais é essencial para que o foco esteja alinhado à sua vontade.

Então quero deixar aqui algumas dicas que funcionam comigo e que mesmo com as preocupações, tarefas e responsabilidades do dia-a-dia faz eu esquecer tudo e me concentrar nos estudos, estou falando do ambiente de estudos.

1) Prepare o ambiente

Uma dificuldade que tinha em casa era relacionado ao espaço, eu não sabia onde colocar meus materiais e por vezes estudava na mesa da cozinha, em cadeiras desconfortantes e isso me fazia muito mal pois sentia muitas dores nas costas, então resolvi separar um espaço na minha sala e preparar um ambiente de estudos, assim aconselho você a encontrar um espaço em sua casa que seja ideal para você montar o seu ambiente, para alguns o melhor local é o quarto mas para mim que tenho uma filha pequena e minha esposa optei por mantê-las no quarto enquanto estou estudando e fico na sala podendo me concentrar muito mais.

2) Faça um investimento

Comprar uma boa cadeira (estilo presidente), e uma mesa que encontrei no OLX foi uma das coisas mais importantes que fiz para melhorar o nível dos meus estudos. Sem dúvida isso me ajudou muito a criar meu ambiente de estudos, por isso digo a você vale a pena o investimento, às vezes chego a estudar 8 a 9h líquidas e com uma boa cadeira, confortável e com uma mesa onde possa organizar tudo que preciso para meus estudos essa tarefa se torna muito melhor para ser executada.

3) Evite distrações

O seu ambiente de estudos é um local de concentração portanto de nada adianta ter uma boa cadeira, uma mesa legal, materiais todos organizados com canetas, bloco de anotações e ao mesmo tempo ter seu celular sob a mesa, ou uma televisão ligada próximo a você, ou até mesmo uma luz que não seja apropriada para seus estudos. Sugiro você colocar um cronometro em sua mesa ou até mesmo utilizar uma aba do navegador com um cronômetro online para controlar seu tempo de estudos, essa dica foi muito valiosa pra eu ver quanto realmente estava me dedicando a cada matéria estudada.

4) Seu ambiente suas regras

Gosto muito de ver minhas coisas organizadas e no meu local de estudos não seria diferente, dá uma sensação tão boa terminar os estudos e deixar tudo no seu devido lugar, assim também quando chegar do trabalho, ou de algum outro lugar encontrá-lo da mesma forma que você deixou. Assim, sugiro a você colocar um lembrete na parede, ou conversar com as pessoas que convivem com você de que aquele local é “sagrado” para que ninguém desorganize suas coisas, ou de repente danifique algum equipamento, ou material seu, em outras palavras seu local de estudos suas regras, pra quem tem criança em casa como é meu caso é importante explicar para elas que aquele local é dedicado ao estudo para que não vire um local para outro tipo de distrações.

Pessoal espero que tenham gostado desse post, um grande abraço a todos e bons estudos e não esqueçam que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, a aprovação está próxima.

De volta pra falar sobre “Resumos”

Fala pessoal tudo bem com vocês?

Passei algumas semanas sem escrever aqui no blog em razão de algumas tarefas que estava executando no ministério, estávamos em preparação para um acampamento de jovens e a correria estava um pouco grande, além de que também estou estudando para um concurso e com isso dei uma reduzida nos acessos.

Mas hoje quero compartilhar com você algo muito interessante, uma dica pra você melhorar seu desempenho nas suas provas e que com certeza vai te ajudar a estabilizar o conteúdo de determinado assunto na sua mente.

Estou falando da elaboração de resumos, cara eles me ajudam muito, normalmente são feitos após eu assistir a videoaula do assunto que estou estudando e juntamente com o pdf da matéria resumo toda a aula estudada, dessa forma numa próxima revisão do assunto não uso o tempo para assistir novamente a aula ou ler o conteúdo de um arquivo PDF inteiro e sim apenas releio o resumo que eu mesmo escrevi, onde faço questão de colocar apenas aqueles tópicos e esquemas que vão me auxiliar na resolução de questões.

Bem, há diversas formas de fazer tais resumos e já utilizei algumas delas mas a forma que atualmente estou utilizando e que tenho gostado muito é escrevê-los em uma folha de papel ofício A4 e após finalizá-lo coloco em uma pasta sanfonada dessa forma consigo separar por disciplina cada conjunto de resumos e também com isso consigo mantê-los de forma organizada.

Fazer resumos dessa forma como descrevi acima é muito legal também porque permite você ter uma flexibilidade nos estudos, pode andar com sua pasta e simplesmente tirar as folhas para estudar em qualquer ambiente que esteja e facilmente rever todos os assuntos estudados, isso sem dúvida vai permitir os conteúdos estarem sempre “fresquinhos” na cabeça.

Bom pessoal, a dica de hoje era essa, espero que possa te ajudar nos seus estudos, fique na paz e qualquer dúvida é só entrar em contato.

Que Deus abençoe você meu querido concurseiro cristão.